Article image

LS

Levi Silva07/12/2022 10:08
Compartilhe

Kanban e Suas Aplicações

    Kanban é a palavra japonesa para cartão ou sinal. O Kanban foi desenvolvido no Japão, na década de sessenta na Toyota, seu objetivo era atuar como um sistema que puxa a produção, é gerado um cartão para cada lote e as peças são produzidas para repor estoque de uma peça que foi utilizada, ou seja, assim como um supermercado, podemos manter uma quantidade mínima de produtos no estoque da loja e o produto é reposto no estoque assim que o cliente passa o produto no caixa. Através de cálculo matemático é possível manter um estoque mínimo, levando em consideração, planejamento de vendas, tempo de produção, problemas de qualidade, tempo de entrega dos fornecedores, entre outros, reduzindo ao máximo o custo com estoque. 

    Meu primeiro contato com o Kanban foi na faculdade de engenharia de produção, e fez parte de uma matéria chamada sistemas de produção, foi apresentado como uma das ferramentas para aplicação de just time que é uma filosofia de manufatura, onde a empresa busca produzir a quantidade exata para atender a demanda, comprando matéria prima no momento correto e entregando o produto no prazo estipulado, evitando estoques em todo o processo produtivo. Aprendi a fazer o dimensionamento através de cálculo dividindo em 3 colunas, verde (estoque dentro dos limites), amarelo (iniciar o processo reposição) e vermelho (estoque em estado crítico) e os cartões de reposição são posicionados conforme o andamento da produção.

    image

    Ainda na faculdade fui apresentado ao Kanban como método de gestão, para gerir a equipe nas atividades do TCC (trabalho de conclusão do curso) através da ferramenta Trello. Com o Trello foi possível dividir as colunas em artigos, resumos e conclusão, cada participante era responsável por criar no mínimo 10 cartões com um artigo em cada um dos cartões sobre o tema proposto, incluindo anexo com documentos das atividades finalizadas e definição de prazos, dessa forma foi possível acompanhar em tempo real as etapas dos processos de cada participante que ia passando os cartões entre as colunas conforme a conclusão das etapas.

    image

    Ao finalizar a faculdade trabalhei em uma indústria que produzia equipamentos industriais, fui responsável pelo processo de digitalização da empresa, optamos por um ERP (software de gestão empresarial) que utiliza o Kanban como ferramenta de gestão, dividindo em fases os setores da empresa sendo eles vendas e produção. Em vendas como um CRM (software de gestão de relacionamento com o cliente) foi possível dividir as colunas em captação, negociação e venda, gerando um cartão para cada cliente e evoluindo no funil de vendas, sendo possível acompanhar visualmente o cliente e qual fase do processo o mesmo se encontra. Em produção foi possível dividir as colunas em projeto, caldeiraria, pintura, montagem e embalagem. Ao gerar um cartão em produção era alimentado, de forma automática, todos os insumos necessários para produção dos equipamentos, atualizando o estoque de forma online, permitindo gerar ordem de compra para os insumos com baixo estoque.

    image

    O Kanban é uma ferramenta poderosa, seja utilizada como sistema de produção, sistema de gestão e atualmente no mundo da tecnologia aplicada ao pensamento ágil, como um gerenciador de projetos, sendo extremamente eficiente e qualquer umas das suas aplicações, e deve ser considerada sua aplicação e na gestão de seus projetos.

    Fonte: https://rockcontent.com/br/blog/kanban/

    Compartilhe
    Comentários (3)
    Alysson Machado
    Alysson Machado - 12/12/2022 22:39

    Legal, adorei as dicas! Obrigado!

    RA

    Rander Amaral - 10/12/2022 10:11

    Excelente dicas.

    André França
    André França - 07/12/2022 10:30

    Excelente dicas.