Article image
Newton Nascimento
Newton Nascimento31/12/2022 15:48
Compartilhe

A IoT como ferramenta na Segurança do Trabalho

  • #Segurança no trabalho

A internet das coisas (IoT, na sigla em inglês) é um termo que se refere à conexão de dispositivos eletrônicos, como sensores, atuadores e dispositivos móveis, à internet. Esses dispositivos podem colher e transmitir dados de várias fontes, permitindo que as empresas acessem informações em tempo real e tomem decisões sobre esses dados. A IoT pode ser usada em uma ampla variedade de aplicações, incluindo monitoramento de equipamentos, gerenciamento de ativos, controle de processos e automação de edifícios.

A segurança do trabalho é uma área de saúde e segurança ocupacional que se preocupa com a prevenção e minimização de ocorrências de acidentes como também doenças relacionadas ao trabalho. Isso inclui avaliar os riscos aos quais os trabalhadores estão expostos, implementar medidas de controle para minimizá-los e garantir que os funcionários sejam treinados e estejam prontos para trabalhar de forma segura.

A IoT pode ser uma ferramenta valiosa para a segurança do trabalho, pois permite o monitoramento em tempo real das condições de trabalho e a detecção de possíveis riscos, com intuito de se. Por exemplo, sensores de temperatura podem ser instalados em áreas com equipamentos quentes para garantir que a temperatura não ultrapasse os limites de segurança. Além disso, dispositivos de monitoramento de equipamentos, como motores e bombas, podem alertar os trabalhadores sobre falhas potenciais e possíveis riscos de acidentes.

No entanto, é importante lembrar que a IoT também pode apresentar riscos à segurança do trabalho se não for integrada de maneira adequada. Por exemplo, se os dispositivos de IoT não forem protegidos de forma apropriada, eles podem ser identificados a ataques cibernéticos que podem afetar a segurança do trabalho. Portanto, é importante que as empresas implementem medidas de segurança cibernética robusta para proteger os dispositivos de IoT e garantir a segurança dos trabalhadores.

Compartilhe
Comentários (1)
Vitor Melo
Vitor Melo - 01/01/2023 21:49

Artigo muito bom!